fbpx

Saiba o que são óleos essenciais e por que usá-los em cosméticos

JUNTE-SE A MAIS DE 5 MIL EMPREENDEDORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade!

Os óleos essenciais são substâncias conhecidas há milhares de anos, mas agora estão se tornando cada vez mais populares e consumidas graças aos seus benefícios. Atualmente, as pessoas buscam esses óleos em suas formas puras e até em cosméticos.

Neste mercado, o uso de óleos essenciais cresceu bastante. Principalmente, porque os consumidores procuram mercadorias mais naturais e com menos ingredientes criados em laboratórios.

Dessa forma, se você quer ter uma empresa bem-sucedida na área de cosméticos, conhecer sobre esses óleos é essencial. Pensando nisso, no post de hoje, explicarei tudo sobre óleos essenciais e por que você deve usá-los em seus cosméticos. Confira!

 

O que são Óleos Essenciais

Estes óleos são elementos naturais e líquidos, os quais podem ser retirados de caules, folhas, raízes, flores, frutos e outras partes de plantas. Seu grande consumo se dá pelos benefícios que oferecem à saúde física e emocional, aparência das pessoas, melhoraria no bem-estar e até ajuda na limpeza de casa.

Com propriedades específicas, essas substâncias podem ter, por exemplo, efeitos relaxantes, cicatrizantes, anti-inflamatórios, antifúngicos ou estimulantes. Sendo assim, é necessário conhecer bem cada óleo antes de utilizar um exemplar e assim, garantir que fornecerá os efeitos desejados.

Contudo, os óleos essenciais são bem concentrados, por isso, não é indicado aplicá-los diretamente na pele. Geralmente, eles são diluídos em água e, em seguida, podem ser usados em massagens, compressas e higienização de ambientes.

Além disso, os óleos são utilizados como ingredientes de cosméticos e na aromaterapia. Neste último caso, normalmente, eles são aplicados em difusores e aromatizadores para se espalharem bem pelo ambiente.

 

Por que utilizar os óleos em seus cosméticos

Os óleos essenciais podem ser utilizados em suas formas puras ou adicionados a cosméticos, como cremes, séruns e sabonetes, por diversas razões. Confira, agora, 3 motivos para trabalhar com os óleos essenciais:  

#01 São naturais

Por serem naturais, estão cada vez mais populares. Logo, estão sendo utilizados nos cosméticos para substituir as substâncias químicas.

A procura por mercadorias naturais, orgânicas, sustentáveis e veganas é uma tendência que só deve crescer nos próximos anos. Uma vez que os consumidores estão se preocupando cada vez mais com os impactos que provocam no meio ambiente.

Mas você pode estar se perguntando: se os óleos são vegetais, como eles são sustentáveis e reduzem os impactos na natureza? A retirada dessas substâncias é feita com muito cuidado para não prejudicar a saúde das plantas e para que seja extraído somente a quantidade necessária de óleo.

A continuação da reprodução dessas plantas e a proteção do ecossistema em que elas estão inseridas também devem ser garantidas. Essa extração ainda tem que beneficiar as comunidades locais.

Sendo assim, é bastante interessante considerar a produção de cosméticos naturais para criar uma empresa que ofereça o que os consumidores buscam e que tenha um impacto menor na natureza.

#02 Possuem propriedades importantes para a saúde e bem-estar

Outro motivo pelo qual os óleos estão sendo aplicados em cosméticos e usados em seus formatos puros são suas propriedades. Tais propriedades podem ser bastante benéficas para a saúde, fins estéticos e são capazes de potencializar a eficácia dos produtos. Assim, as empresas conseguem oferecer mercadorias melhores e aumentar a satisfação dos clientes.

#03 Apresentam aromas agradáveis

E, por último e não menos importante, os óleos são interessantes para cosméticos, porque costumam ter bons aromas. Portanto, eles são excelentes escolhas para dar um odor atrativo e marcante aos produtos naturais, ainda mais que são mais fortes que os sintéticos.

Ou seja, os óleos essenciais, além de serem benéficos para o bem-estar, melhoram a eficiência e o aroma de seus cosméticos e diminuem o impacto de seu negócio no meio ambiente. Agora está claro o porquê é uma ótima ideia trabalhar com eles, não é mesmo?

Você pode vender os exemplares puros, que devem ser diluídos em água para serem utilizados, ou adicioná-los aos seus cosméticos. No último caso, eles podem ser aplicados na formulação de sabonetes, shampoos, condicionadores, cremes, séruns, entre outros.

 

Óleos mais usados em produtos da indústria cosmética

Agora que você sabe mais sobre os óleos essenciais, é importante conhecer os exemplares mais utilizados na indústria dos cosméticos. Dessa maneira, você descobre as propriedades de cada um deles e se eles são relevantes para os seus produtos. Então, confira abaixo os 6 principais óleos usados atualmente em cosméticos:

Alecrim

O óleo essencial de alecrim possui diversas propriedades muito interessantes, como a estimulante, analgésica, antisséptica e antidepressiva. Sendo assim, ele consegue realizar várias funções dependendo do modo que é utilizado. O produto é capaz, por exemplo, de diminuir dores de cabeça, musculares, aliviar estresse e melhorar a concentração.

Na indústria de cosméticos, essa substância é usada para ajudar em tratamentos capilares, já que ela estimula o crescimento dos fios, ajuda a tratar caspas e a fortalecer os cabelos.

O óleo de alecrim, também, auxilia a controlar a oleosidade da pele e suas propriedades antissépticas e antimicrobianas colaboram com o tratamento de acnes, eczemas e dermatites. Por isso, é comum encontrar shampoos, cremes para cabelos ou para a pele que têm essa substância entre seus ingredientes.

Melaleuca

A melaleuca, também conhecida como tea tree, é uma planta nativa da Austrália que se espalhou pelo mundo graças aos seus benefícios. Seu óleo essencial se popularizou, porque possui propriedades antissépticas, cicatrizantes, tônicas, analgésicas e anti-inflamatórias.

Ele é popular nos cosméticos, pois ajuda no tratamento de acnes, psoríases, dermatites, micoses em unhas e mau cheiro nos pés. Como realiza diferentes funções importantes para a pele, o óleo de melaleuca pode fazer parte da formulação de diversos cosméticos, como cremes, séruns e sabonetes.

Hortelã

Já o óleo de hortelã tem como principais propriedades a estimulante, antisséptica, analgésica e anti-inflamatória. Ele é bom para cosméticos, porque refresca e ajuda na restauração do corpo. Nessa indústria, geralmente o óleo de hortelã é usado em produtos criados para refrescar os pés e as pernas. Por isso, ele é bastante encontrado em cremes.  

Além de auxiliar na melhora e no refrescamento da pele, essa substância dá um aroma bem agradável para os cosméticos.

Lavanda

O óleo de lavanda possui propriedades calmantes, cicatrizantes, antissépticas e anti-inflamatórias. Ele é bastante popular na aromaterapia, justamente por fornecer relaxamento e calma para as pessoas. O elemento auxilia, inclusive, no relaxamento de músculos cansados nas cabeças e nos pés.

Todavia, os cosméticos também se beneficiam dessa substância. Ela consegue acalmar o couro cabeludo, auxiliando assim no tratamento de dermatite seborreica. O óleo de lavanda ainda colabora com a melhora de casos de psoríase e tem um odor de flores, que pode deixar o cosmético bem mais atraente e agradável.

Laranja

Você sabia que até a laranja tem um óleo essencial importante para a saúde e para os cosméticos? Ele é retirado da própria fruta e tem propriedades estimulantes, antissépticas, digestivas e antidepressivas. A substância ajuda, sobretudo, a tratar insônia, depressão e problemas digestivos.

No campo dos cosméticos, o óleo essencial de laranja é importante, porque ele colabora com o tratamento de caspas, celulites e com a revitalização e o rejuvenescimento da pele. O seu aroma também auxilia a dar um odor mais agradável e cítrico para os produtos dessa indústria.

Capim-limão

O óleo de capim-limão tem ação anti-inflamatória, antibacteriana, antifúngica, tonificadora, estimulante e purificadora. Por essa razão, o elemento costuma ser aplicado em músculos doloridos para incentivar a circulação na região e em shampoos que aumentam o brilho dos cabelos.

O aroma da substância de capim-limão é mais um item importante, que faz com que o óleo seja refrescante e os cosméticos preparados com ele sejam mais interessantes para os consumidores.

 

Contraindicações de óleos essenciais

Apesar de serem substâncias naturais, os óleos essenciais nem sempre podem ser consumidos por qualquer pessoa. O exemplar de hortelã-pimenta, por exemplo, não é recomendado para indivíduos que tenham refluxo gastroesofágico e o de alecrim não é indicado para quem tem pressão alta.

Sendo assim, é fundamental conferir todas as contraindicações de cada óleo antes de comercializá-lo, seja em sua forma pura ou em um cosmético. Dessa forma, a empresa consegue ter mais controle do que está fazendo e passar essas informações aos consumidores para que estes decidam se podem ou não utilizar o produto.

Se você trabalha com óleos essenciais, é importante alertar os clientes sobre os efeitos colaterais que podem ser causados pelo uso em excesso. Caso as substâncias façam parte da formulação dos cosméticos, é necessário ter cautela e utilizar somente as quantidades indicadas de cada exemplar nos produtos.

Além disso, recomenda-se que nenhuma gestante use óleos essenciais. Já pessoas alérgicas a uma substância específica devem evitar o consumo do óleo extraído desse elemento, por exemplo: alérgicos a amendoim, devem evitar seu óleo essencial.

Os óleos essenciais são substâncias naturais, que fazem bem para a saúde e para o bem-estar! E além de tudo, podem ser utilizados para fins estéticos.

Então, é uma excelente ideia adicioná-las em seus produtos. Mas, lembre-se de conferir todas as características do óleo antes de implementá-lo em uma formulação, ok?


E, agora que você já sabe que esse grupo de elementos é bom para cosméticos, veja também quais substâncias evitar em suas mercadorias da indústria cosmética.

5 1 Voto
Article Rating
Inscreva-se
Avisar que
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Conteúdos Recentes

Quer tornar sua empresa uma referência no mercado? história de sucesso? inspiração?

Conte-nos como
podemos te ajudar!

Quer tornar sua empresa uma referência no 
mercado?
história de 
sucesso?
inspiração?

Conte-nos como
podemos te ajudar!

0
Conte o que achou do conteúdo!x
()
x
tendências em cosméticosUtilização de nanotecnologia em coosméticos.

Novidades Exclusivas

Inscreva-se e receba conteúdos fresquinhos na sua caixa de entrada!